Brincadeira de criança

Durante essa semana na Assembléia Legislativa relembrou os tempos de criança, quando um ficava contando de um a trinta ‘nesse caso o presidente do parlamento Eduardo Botelho quando coloca em pauta a votação do veto das emendas impositivas dos deputados’. E para esconder, então os deputados saem do plenário e se escondem dentro de uma sala denominada como ‘sala de reunião’, isso para esvaziar a casa e bloquear a votação por falta de número mínimo deputados em plenário. Uma verdadeira brincadeira de esconde-esconde.

Depois disdo começa outra brincadeira conhecida como queda de braço e somente as “crianças” com força consegue brincar.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também