Segundo acusado de assassinar a funcionária publica Sandra Regina se entregou a policia

Ao se entregar Jordão afirmou que um familiar da vitima passou informação das ações da vitima
Jordão Rodrigues

O suspeito Jordão Rodrigues Neto se apresentou na tarde desta terça-feira (09), na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande, e teve um mandado de prisão cumprido. Ele é um dos três autores do latrocínio da servidora municipal, Sandra Regina de Siqueira Travaina, 48 anos, ocorrido na madrugada do dia 2 de julho.

Jordão assim como seu comparsa André Luiz Gomes, 20 anos, conhecido por “neguinho”, que foi preso em Cáceres (225 km a Oeste), na noite do dia 7 de julho, confessou a participação no crime, alegando que a intenção era apenas roubar e não matar a servidora, que acabou alvejada após buzinar alto o automóvel, em que estava.

A servidora foi abordada em frente sua casa, no bairro Nova Várzea Grande, pelo trio que acreditava que dentro da casa havia joias e dinheiro.

O terceiro suspeito, Maikon Douglas Alves dos Santos (Sujeirinha), ainda encontra-se foragido. Denúncias podem ser feitas pelo 197 da Polícia Civil. O inquérito deverá ser concluído até esta semana sexta-feira, 12 de julho. O trio será indiciado por latrocínio consumado e associação criminosa

O suspeito Jordão Rodrigues Neto tem condenação por tráfico de drogas, e estava em liberdade com uso de tornozeleira, mas os policiais levantaram que ele desliga o aparelho no ato dos crimes cometidos.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

TOP VÍDEOS

Veja Também