Skip links


Principio de incêndio em maternidade e bebês são transferido dentro de incubadoras

Incêndio atinge maternidade em Tangará da Serra e recém-nascidos são transferidos em incubadoras

Um princípio de incêndio causou pânico na noite desta segunda-feira, 12, em um hospital de Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá. O foco foi registrado no Hospital e Maternidade Clínica da Criança por volta das 19 horas e 30 minutos.

Um curto-circuito em um ar condicionado iniciou o fogo na ala de esterilização do hospital, próximo à pediatria. A fumaça se alastrou e comprometeu o funcionamento da unidade hospitalar.

Desesperados, funcionários, parentes de pacientes e outras pessoas entraram em ação e começaram a retirar as crianças e outros pacientes bem como equipamentos do interior do hospital.

De acordo com o sargento Wilson, do Corpo de Bombeiros, a fumaça, que prejudicava a saúde dos pacientes, também atrapalhou o serviço de resgate.

O sargento explicou que quando o Corpo de Bombeiros chegou as pessoas já estavam retirando os pacientes, a maioria recém-nascidos, e equipamentos.

“O foco era pequeno, mas a fumaça era bastante, por isso demoramos um pouco no combate em função da fumaça, que estava muito forte”, disse o sargento, que destaca o fato de o fogo não ter atingido outras alas do hospital.

O número de pacientes, bem como de recém-nascidos, retirados do hospital, não foi divulgado.

Em nota, o hospital explicou que o fogo iniciou na caixa externa de um ar condicionado e que a fumaça assustou os presentes.

A situação, segundo a unidade, já foi completamente normalizada e ninguém ficou ferido.

Veja o vídeo e as fotos:

Imprimir essa matéria

Faça o seu comentário

Return to top of page