Primos resolvem tomar cachaça em casa, brigam e o mais velho é assassinado

O primo mais novo, bêbado, não conseguiu ir muito longe. Foi preso quando tentava se esconder em um terreno baldio, próximo do local do crime
DHPP

Por Esportes & Notícias

Dois primos resolveram passar a noite de sábado de confinamento, devido a pandemia do coronavírus tomando cachaça em um casa no Jardim das Violetas, em Sinop. Ao final da noite um foi para uma gaveta da câmara fria do necrotério do Instituto Médico Legal da cidade e o outro para uma cela da Delegacia Regional do municípios.

Em meio ao confinamento imposto pela prefeitura de Sinop para evitar o aumento do contágio do coronavírus, os primos Izael Nunes de Oliveira, 30 anos e outro de 23 anos, que não teve seu nome divulgado pela Polícia Militar resolveram que o melhor seria tomar pinga e cerveja dentro de casa.

Tudo parecia bem, com mais uma agradável noite em família. Até que os dois, a família não soube dizer o motivo, começaram a discutir asperamente. Se levantaram, trocaram sopapos e o primo mais novo pegou uma faca e enfiou até o cabo na barriga do mais velho.

Os familiares acionaram a Polícia Militar e o Samu enquanto o mais novo dos primos fugia. Isael chegou a ser levado para Hospital Regional de Sinop, mas não resistiu ao ferimento e a perda de sangue e acabou morrendo.

O primo mais novo, bêbado, não conseguiu ir muito longe. Foi preso quando tentava se esconder em um terreno baldio, próximo do local do crime. Tentou justificar que não havia cometido nenhum crime. Quando deu, disse que apenas se defendeu após ter levado um tapa na cara.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também