Neymar é cortado da seleção brasileira por lesão no tornozelo e está fora da Copa América

Atacante se machucou no primeiro tempo da vitória por 2 a 0 sobre o Catar. Tite tem até a noite do dia 13 para convocar um substituto
FOTOS: DA INTERNET
FOTOS: DA INTERNET

Por: Globoesportes.com

Neymar está fora da Copa América. O atacante foi cortado da seleção brasileira na madrugada desta quinta-feira, depois de exames apontarem rompimento no ligamento do tornozelo direito sofrido no primeiro tempo da vitória por 2 a 0 sobre o Catar. Ele foi direto do estádio Mané Garrincha para um hospital em Brasília, onde recebeu a visita do presidente da república, Jair Bolsonaro. A CBF anunciou o corte às 2h10 da manhã.

Foto da Internet

A lesão encerra um período atribulado como nunca na carreira do atacante. Desde que se apresentou à Seleção, no dia 25 de maio, Neymar precisou lidar com uma série de problemas, desde o comunicado de Tite de que ele não seria mais capitão até o mais grave de todos eles, a acusação de estupro registrada numa delegacia em São Paulo, no último dia 31.

Tite tem até a noite do dia 13, véspera da estreia contra a Bolívia, para convocar um substituto. O procedimento exige que os exames sejam enviados à Conmebol para que a organizadora da Copa América possa validar a lesão e, só então, permitir a inscrição de um novo jogador.

Substituído por Everton, candidato a ficar com sua vaga de titular daqui para frente, Neymar deixou o estádio de muletas. Ainda não foi divulgado um prazo estimado para sua recuperação.

Na sexta-feira, estava programado um depoimento na delegacia de crimes virtuais, no Rio de Janeiro, sobre o conteúdo do vídeo postado pelo jogador nas redes sociais, com fotos íntimas da mulher que o acusa de estupro. Também não se sabe se a programação será mantida.

Neymar e a Seleção:

25/5: o jogador antecipou em três dias sua apresentação e chegou à Granja Comary. Logo teve uma conversa com Tite e foi avisado que não seria mais capitão da Seleção. O motivo era a agressão a um torcedor depois da Copa da França;

28/5: durante o treino, Neymar levou uma caneta do lateral-direito Weverton, do sub-20 do Cruzeiro, e o atirou ao chão na sequência do lance. Houve quem sentisse falta de uma reação mais carinhosa do ídolo com o fã. Minutos depois, numa tentativa de finalização, ele sentiu dores no joelho esquerdo e deixou o campo bastante irritado. À noite, uma ressonância magnética não apontou lesão grave;

29 e 30/5: as dores impediram que Neymar treinasse em campo, mas ele fez trabalhos na academia para manter-se em equilíbrio físico;

31/5: voltou a treinar com bola e deixou a comissão técnica empolgada;

1/6: à tarde, vazou a denúncia de estupro registrada por uma mulher numa delegacia em São Paulo. O suposto crime teria ocorrido no dia 15 de maio, em Paris. À noite, Neymar postou um vídeo para se defender e, nele, divulgou o conteúdo de conversas com fotos íntimas;

2/6: pela manhã, uma viatura da Delegacia de Crimes Virtuais foi à Granja Comary para ter informações sobre Neymar, que ainda não havia se reapresentado da folga;

3/6: outra viatura entregou uma intimação para Neymar depor na sexta-feira, no Rio;

5/6: torceu o tornozelo direito e teve os ligamentos rompidos. Seu corte foi anunciado na madrugada do dia 6.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também