CUIABÁ
25 de fevereiro de 2021 - 12:55

Morre Eder Taques, presidente do Operário, vítima da Covid-19

Eder Taques passou 30 dias lutando contra a Covid. Morreu nesta madrugada deixando uma grande lacuna no Operário, que na semana passada já havia perdido outro ex-presidente, César Gaúcho
eder_taques

Por Esportes & Notícias

O Clube Esportivo Operário Várzea-grandense está de luto. Faleceu na madrugada desta sexta-feira, no Hospital Santa Rita, em Várzea Grande, o presidente do clube, Eder Roberto Taques,5 anos. Ele ficou 30 dia internado vítima da Covid-19. Na quinta-feira seu estado de saúde se agravou. Em 8 dias é a segunda perda pela pandemia no clube. No dia 11 morreu o ex-presidente César Gaúcho.

Eder Taques sempre foi ligado ao esporte. Foi jogador de futebol e depois técnico do Operário em diversas oportunidades, tendo passado ainda pelo Mixto, Luverdense, BOA de Minas Gerais e outras agremiações nacionais. Depois foi trabalhar em outras agremiações no interior de Mato Grosso, retornando ao clube de coração onde era chamado por amigos e jogadores como o “Parreira de VG” pela forma como conversava com os atletas e ministrava seus treinamentos. Até 20 de janeiro, quando foi diagnosticado com a Covid-19 e internado no hospital Santa Rita pela família, ele vinha comandando pessoalmente a formação do plantel do Operário para a disputa do Campeonato Mato-grossense deste ano e prometia a formação de um time mais competitivo para brigar pelo título.

Natural de Barão de Melgaço, Eder Taques morava em Várzea Grande desde jovem e sempre teve uma ligação muito forte com o Operário, onde comandou até a equipe de veteranos do clube antes de se aventurar a condição de presidente da agremiação. E é para Barão de Melgaço que o corpo será levado ainda na manhã desta sexta-feira. “Quando ficou doente e a situação estava piorando ele pediu para ser enterrado em Barão, onde está enterrado o pai dele”, disse um dos filhos nesta manhã lamentando a perda do pai.

Em sua rede social do facebook, várias mensagens estão sendo postadas em sua homenagem. O goleiro Everton Perereca postou: “Vai com DEUS Parreira!! Uma dor Irreparável. Meus sentimentos a Tata, Elton e Dinho”.

A diretoria do Operário informou que o cortejo, antes de seguir para Barão de Melgaço, onde será sepultado do pai, passará pela sede do clube para a última despedida dos jogadores e funcionários ao eterno presidente.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também