Governo do Estado amplia cadeia em Vila Rica para mais 24 condenados

Nova ala entregue nesta sexta-feira é composta por três celas e sala de aula
cadeia_ampliada

Da Redação

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP-MT), por meio da Adjunta de Administração Penitenciária, inaugurou, nesta sexta-feira (16.10), a nova ala da Cadeia Pública de Vila Rica. Ao todo, serão disponibilizadas mais 24 vagas para a região.

A ala conta com três novas celas e uma sala de aula para o estudo dos recuperandos da unidade. A obra contou com a parceria do Conselho da Comunidade local e do Poder Público Municipal.

Toda a mão de obra foi feita por reeducandos da unidade. A expectativa é que uma segunda etapa também seja entregue, chegando a mais de 50 novas vagas na unidade, que atende também a comarca de Santa Terezinha, Santa Cruz do Xingu e em algumas ocasiões, Porto Alegre do Norte.

 

Para o secretário adjunto de Administração Penitenciária, Emanoel Flores, a inauguração faz parte de um projeto maior do Governo do Estado para a ampliação de vagas no Sistema Penitenciário. “Juntamente com os parceiros locais e a mão de obra dos reeducandos, conseguimos entregar esta importante ala, e assegurando todo o acompanhamento técnico do setor de Engenharia da Sesp-MT”.

Já para o diretor da unidade, Rivelino Pereira de Jesus, as parcerias foram de fundamental importância para a conclusão da ampliação. Na oportunidade, o gestor agradeceu ao Conselho da Comunidade, ao Executivo Municipal, ao Ministério Público e ao Poder Judiciário. “É importante ressaltar que, além das celas, construímos a sala de aula também, com o objetivo de estimular o ensino dos reeducandos, oferecer mais dignidade à pessoa presa e contribuir para a ressocialização”.

Até o momento, a Cadeia Pública de Vila Rica tinha capacidade para 62 reeducandos, agora ampliada para 86. Atualmente, a unidade abriga 60 pessoas privadas de liberdade.

 

Participaram da inauguração o comandante do 10º Comando Regional da Polícia Militar (PM-MT), tenente coronel PM Wellington Rodrigues, o superintendente da Regional Leste do Sistema Penitenciário, Anderson Sant’Ana da Costa, a presidente da Fundação Nova Chance (Funac), Dinalva Rodrigues, e representantes do Conselho da Comunidade.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também