Gonzalo Carneiro pega 2 anos de suspensão por doping de cocaína

52574

Lance

O atacante uruguaio Gonzalo Carneiro, do São Paulo, foi punido com dois anos de suspensão pelo TJD-AD (Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem), em Brasília, por ter sido flagrado em exame antidoping realizado durante o Campeonato Paulista por uso de cocaína.

Leia também: Campeão mundial volta a competir após doping e choca o mundo com foto da perna

carneiro arrow-options
Site oficial

Gonzalo Carneiro, atacante do São Paulo

A pena de Carneiro podia chegar a quatro anos de gancho, mas já se esperava que fosse de dois anos – foi o que aconteceu com Diogo Vitor, do Santos, que também testou positivo para cocaína e depois teve a suspensão reduzida para 18 meses.

Leia também: Do doping à estreia arrasadora no UFC: Amanda Ribas quer conquistar o mundo

A tendência é de que a defesa de Gonzalo Carneiro recorra da decisão e tente reduzir a pena, assim como ocorreu com o santista. É preciso entrar com o recurso em até 21 dias.

O uruguaio fez o primeiro exame em 16 de março, após uma derrota por 1 a 0 para o Palmeiras, no Pacaembu, e jogou pela última vez em 14 de abril, quando foi titular na primeira partida da final estadual contra o Corinthians. Depois de ser notificado, ele não treinou mais com o elenco no CT da Barra Funda. Como a suspensão começa a contar a partir da data da coleta, ele já cumpriu sete meses.

Gonzalo Carneiro está afastado preventivamente desde abril e teve seu contrato, válido até março de 2021, suspenso pelo São Paulo após o exame de contraprova confirmar a presença de benzoilecgonina, um metabólito da cocaína, em seu organismo.

O clube, no entanto, segue em contato com o atleta e seu estafe. Havia, inclusive, um advogado do São Paulo acompanhando o julgamento desta quinta.

Leia também: Relembre os atletas que deram justificativas bizarras após serem pegos no doping

Carneiro , que dava sinais de depressão mesmo antes do exame positivo, está morando no Uruguai e veio ao Brasil para participar do julgamento.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também