CUIABÁ
19 de janeiro de 2021 - 09:59

Casa de Bem-Bem, em Cuiabá, será restaurada e Prefeitura realiza processo de licitação

Após obra emergencial, a Pasta dá continuidade ao processo de restauração do casarão histórico
cultura_cuiabá

Da Redação

A Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer finalizou a fase de tomada de preços do processo licitatório para a contratação de empresa que será responsável pela restauração do imóvel histórico Casa de Bem-Bem. Apenas uma empresa foi habilitada para apresentar proposta, que de acordo com edital, deve ser apresentada em regime de menor preço global. O valor apresentado para realização total da obra foi de R$ 1.126.226,65. A Pasta fará a análise para publicação do resultado.

A licitação foi realizada com o apoio da Secretaria-adjunta Especial de Licitações e Contratos, vinculada à Secretaria de Gestão. Após obra emergencial em 2019, a Pasta dá continuidade ao processo de restauração do casarão histórico, que foi contemplado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) – Cidades Históricas.

Duas empresas manifestaram interesse no processo licitatório. A Construtora W Mendes LTDA. foi inabilitada. Apenas a Archaios Engenharia foi habilitada para continuar o processo e apresentar a proposta de preço.

O imóvel é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Sua existência é memória concreta do Centro Histórico de Cuiabá, os achados arqueológicos do local, como pedaços de cerâmica e utensílios domésticos revelam hábitos e culturas da cuiabania antiga.

Durante a obra emergencial, foram realizadas visitas técnicas abertas para imprensa, população e estudantes com objetivo de transparência e educação patrimonial. Os encontros foram realizados às quartas-feiras e aconteciam em quatro etapas: introdução a história da Casa de Bem-Bem, esclarecimentos sobre o projeto de restauração e transparência pública, recuperação arqueológica e obras de restauro da Casa. As palestras campais foram ministradas por equipe técnica da Secretaria Municipal de Cultura e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), composta de arquitetos, arqueólogos e especialista em projetos e execução de restauração de patrimônio histórico.

“É de suma importância para a gestão que o Centro Histórico de Cuiabá seja restaurado, ocupado e valorizado. Estamos na reta final do processo de licitação da Casa de Bem-Bem e estamos comprometidos em fiscalizar a execução da obra para que o quanto antes, possamos entregar o casarão para uso da sociedade cuiabana”, enfatizou o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Luiz Cláudio Sodré.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também