Cadastro reserva do socioeducativo entrega donativos

O caso foi registrado na madrugada de sexta-feira (29), de agosto, enquanto o casal de idosos Deise Creuza Figueiredo Abreu, 64 e Juari Lemes de Abreu, 63, dormiam com três netos e um filho.
134d461d-60d7-4ce1-9efc-946d655d92d0

O Cadastro Reserva do Sistema Socioeducativo realizou uma ação social no sábado (5), à uma família que perdeu tudo durante um incêndio no bairro Tijucal.

O caso foi registrado na madrugada de sexta-feira (29), de agosto, enquanto o casal de idosos Deise Creuza Figueiredo Abreu, 64 e Juari Lemes de Abreu, 63, dormiam com três netos e um filho.

Já de madrugada, o filho do casal percebeu um cheiro de fumaça e chamou a mãe que dormia com as crianças em um quarto climatizado pra verificar que o sofá da sala estava em chamas.

Juari que estava em outro quarto levantou rápido e ajudou a esposa a retirar os netos pela janela de outro quarto, já que o que os menores estavam era gradeado.

Logo, que todos saíram da residência o portão foi quebrado e o carro da família foi retirado da garagem. Além do carro, outro produto recuperado foi a máquina de lavar roupas. Os demais móveis como eletrodomésticos, roupas, utensílios foram todos destruídos pelas chamas.

“Quando os bombeiros chegaram já estava tudo queimado. A casa deteriorou. O telhado caiu e a construção da casa se perdeu. Precisa ser tudo derrubado”, disse Juari que trabalha como pedreiro.

Deise afirmou que mais do que nunca a família precisa de solidariedade. De imediato, o casal precisa de roupas, donativos e também materiais de construção e mão de obra para a casa ser reerguida novamente.

Ao ver uma publicação nas redes sociais, o agente de segurança e representante do Cadastro Socioeducativo Joelton de Sousa, aderiu a causa e pediu ajuda aos membros para acompanhar a entrega de cesta básica.

O jornalista Muvuca acompanhou a história.

“Atendendo a esse chamado dramático nós viemos acompanhar a reconstrução da vida dessas pessoas. A casa deteriorou e nós sentimos na obrigação de ajudar essas pessoas e também chamar atenção do governo que o Socioeducativo também se preocupa com as causas sociais. O total arrecadado é de uso momentâneo e nós pedimos ajuda da sociedade para também aderir a esta causa”, finalizou Joelton.

Anterior

Próximo

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

*Os comentários abaixo não representam nossa opinião.

SE GOSTOU DESSA, CONFIRA...

Veja Também